Como andar de DLR em Londres

As opções de transporte público em Londres são grandes, além do excelente sistema de metro, a cidade ainda oferece ônibus, overground, barcos, teleférico e o DLR.

Eu já sabia da existencia do DLR, mas a unica oportunidade que tive pra andar (e não andei) foi quando pegamos um voo de Edimburgo pra Londres e desembarcamos no Aeroporto London City. Como nessa vez estavamos em quatro pessoas (e mais as malas gigantes), achamos que um táxi até o hotel seria mais vantagem.

DLR1

Pra quem nunca ouviu falar no DLR e está se perguntando o que seria isso, explico: DLR – Docklands Light Railway basicamente é um metro de superficie e como o próprio nome já indica ele cobre toda a area de Docklands e uma boa parte da região leste e sul de Londres.

Nos dias que fui no World Travel Market, uma das maiores feiras de turismo do mundo, que aconteceu no ExCel London, eu acabei usando metro + DLR para ir até lá.

DLR11

Mas claro que quem estiver em Londres a passeio ou de férias, o DLR pode ser muito útil pra chegar também em Canary Wharf (post em breve), Greenwich (para visitar o Meridiano de Greenwich), em Stratford (para visitar o Westfield Shopping Centre e o Parque Olímpico), o novíssimo teleférico Emirates Air-Line (post em breve) e o Aeroporto London City.

Como ele funciona mais ou menos no mesmo esquema do metro de Londres, é bem fácil de usa-lo.

→ Comprando ticket

Tanto o Single Ticket, o Travelcard e o Oyster Card são aceitos no DLR. Todos esses tickets podem ser comprados diretamente na estação, tanto nos guiches como nas máquinas. Uma coisa que é importante dizer é que, como o DLR basicamente opera nas zonas 1, 2, 3 e 4 (principalmente nas zonas 2, 3 e 4), os valores desse tickets podem variar e serem um pouco mais caros. Então é bom ter bastante crédito no Oyster pra não ter problema.

DLR13

Pra quem for comprar o Oyster Card, o valor somente do cartão é de 5,00 libras e a gente carrega ele com a quantia que achar necessária. Se sobrar credito, não precisa se preocupar, pq ele não expira.

→ Identificando a linha DLR

Tanto no mapa como nas estações, a cor dessa linha é verde água.

Foto retirada do site Wikipedia

Foto retirada do site Wikipedia

→ Estações de metro no centro de Londres com acesso ao DLR

A estação de metro mais central com acesso ao DLR é a de Bank (linha vermelha). Essa estação fica bem perto da Catedral de St Paul, na area chamada de The City, que foi de onde a cidade de Londres surgiu.

Também da pra ter acesso ao DLR partindo da estação de London Bridge (linha cinza) que vai até a estação de Canary Wharf, onde nessa estação, é possível pegar o DLR.

DLR17

Outras duas estaçoes de metro que também dão acesso ao DLR são: Tower Hill -Tower Gateway (linha amarela e verde) e Bow (linha verde e também linha rosa). Chegando nessas estações também é possivel pegar o DLR.

→ Andando de DLR

Todas as vezes que precisei usar o DLR, eu parti da estação de Bank. Cheguei lá de metro e segui até a região leste de Londres de DLR.

Uma coisa que chama atenção é que, diferentemente do que acontece nas estações de metro, a catraca onde passamos o Oyster não existe. Então por exemplo, na estação de Bank, passamos normalmente pela catraca com o Oyster, porém ao desembarcar em qualquer estação de DLR, essas catracas não vão existir.

DLR3

O que vamos encontrar é uma maquininha bem discreta, que se a gente não prestar bem atenção, a gente passa batido e nem valida o oyster no final da viagem (e consequentemente a tarifa dessa viagem não fecha).

Quando eu cheguei la no ExCel London, sai da plataforma da estação de DLR e não tinha catraca, achei aquilo bem estranho, mas continuei caminhando. Enquanto eu tava la batendo foto dos cartazes que davam acesso a feira, reparei que o pessoal se aglomerava ao redor de uma maquinha, fui lá ver o que era e surpresa: era ali que tinha que validar o meu oyster! Então é bom ficar ligado, pra não esquecer de passar o cartão no desembarque.

DLR6

Como eu já disse no inicio do post, o DLR segue o mesmo esquema do metro, só que é bem mais simples, já que teoricamente só tem “duas linhas”: as que seguem oeste- leste e a que segue norte – sul.

A unica coisa que precisamos saber é a estação final. Com essa informação em mãos, precisamos ver qual é a estação final dessa linha e seguir pra plataforma indicada.

DLR10

Por exemplo, eu tinha que pegar o DLR na estação de Bank e desembarcar na estação de Custom House. A estação que eu tinha que desembarcar ficava na linha na qual a estação final era Beckton, então era só me dirigir para o lado da plataforma que indicava onde estavam essas duas estações.

Claro que como eu parti da estação de Bank, nem todos os DLRs iam diretamente pra Beckton, então pra não ficar perdendo tempo, eu já ia adiantando o trajeto.

Uma das poucas estações que é fechada, a do Aeroporto London City

Uma das poucas estações que é fechada, a do Aeroporto London City

Então, se a linha que eu tinha pego fizessse um “desvio” de trajeto, eu tinha que descer na estação de Westferry ou Canning Town e lá pegar outro DLR com destino a estação de Custom House.

Normalmente, pelo menos quase todas as vezes que peguei o DLR, eu tive que ir até a estação de Canning Town e lá trocar de DLR pra seguir viagem.

DLR14

Então pra quem vai até o Aeroporto de London City ou quem quer andar de teleférico, é sempre bom ir até a estação de Canning Town e lá trocar de DLR se caso for necessário.

Quem vai até o Aeroporto de London City deve seguir destino na linha com parada final Woolwich Arsenal. Já quem vai andar no teleférico, precisa seguir a linha que vai até a estação final de Beckton e descer na estação de Costum House.

DLR15

Obs.: Em todas as estações as plataformas vão ser as mesmas sempre, dependendo do sentido (centro – bairro ou bairro – centro), então as placas já indicam também qual plataforma e sentido que o trem vai.

→ Outras considerações

Como o DLR é um sistema de transporte relativamente recente (1987), tanto as estações como os trens são bem novos.

No total são 45 estaçoes de DLR e esse sistema cobre 31 km da cidade de Londres.

DLR2

Como é um sistema de metro de superficie, todas as estações são abertas, ou seja, venta muito e é super frio.

O DLR funciona todos os dias da semana e os trens partem a cada 4-10 minutos.

Anúncios

Tags:, , , ,

About Bruna Bartolamei

Depois de morar por quase 2 anos em Edimburgo, na Escócia e ter viajado por mais de 32 países, estou de volta ao Brasil com muitas histórias pra contar!

Deixe seu comentário, sugestão ou crítica!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: