Mini-guia para viajar de trem pela Escócia e norte da Inglaterra

Quando eu decidi fazer meu intercâmbio na Escócia, uma das coisas que eu tinha definido era: andar de trem o máximo possível.

Uma das entradas da Waverley Station

Uma das entradas da Waverley Station

Se o destino fosse perto de Edimburgo, seria a desculpa perfeita, se não fosse tão perto, seria a desculpa perfeita também. Como assim? Os trens britânicos sempre tiveram fama de serem pontuais, limpos, rápidos e eficientes, o que de fato, eu tenho que concordar.

A Escócia é um país pequeno que facilmente podemos ir de norte a sul ou de leste a oeste em poucas horas.

Waverley Station vista dos fundos

Waverley Station vista dos fundos

As principais vantagens de viajar de trem na Escócia são:

– todas as cidades e vilas do país tem sua estação de trem (340 estações);

– algumas cidades, mas apenas as maiores, tem mais de uma estação de trem, como Edimburgo e Glasgow, por exemplo;

– a principal empresa de trem do país é a Scot Rail, com ela dá pra chegar em praticamente todos os lugares do país;

– os trens da Scot Rail são modernos, novos e são bem confortáveis também.

Pra nos brasileiros que não estamos acostumados a andar de trem, essa é mais uma ”modalidade” que podemos considerar quando estivermos viajando pelo Reino Unido.

→ As estações de trem de Edimburgo

Eu já falei em vários posts aqui no blog, que Edimburgo tem 2 estações de trem. Ambas as estações ficam no centro turistico da cidade e a distância entre elas é relativamente curta.

Entrada principal da Waverley Station, em Edimburgo

A principal estação de trem da cidade é a a Waverley Station, que fica convenientemente localizada no centrao da cidade, entre a New Town e a Old Town, e bem próximo ao Scott Monument e a uma curtíssima caminhada da Princes Street.

Waverley Station, a principal estação de trem de Edimburgo

Já a Haymarket Station, fica um pouco mais afastada do centro da cidade, mas nada que uns 10 minutos de caminhada partindo da Princes Street não resolvam. A estação é bem menor e tem poucas plataformas.

Haymarket Station, em Edimburgo

Haymarket Station, em Edimburgo

→ As passagens de trem

Assim como as passagens de avião, as passagens de trem também podem ser compradas em casa, pela internet. O ideal é comprar com pelo menos 2 horas de antecedência, pq esse é o tempo limite que a empresa de trem nos dá pra que o ticket esteja pronto pra ser retirado em qualquer uma das máquinas ou guiches em qualquer estação de trem no Reino Unido. Na hora de comprar o ticket, já temos que escolher uma das milhões de estações que existem tanto na Escócia como em todo o Reino Unido para retirar a nossa passagem.

Máquinas para comprar o ticket de trem na Waverley Station, em Edimburgo

Por exemplo, eu já comprei uma passagem de ida e volta pra uma viagem que faria entre Londres – Dover e escolhi retirar a minha passagem ainda enquanto estava em Edimburgo, e a estação escolhida foi a Haymarket Station que ficava bem perto de onde eu morava. Assim, quando cheguei em Londres, eu já tinha tanto a passagem de ida quanto a de volta entre Londres e Dover em mãos e não precisei mais me preocupar com isso.

Máquinas na Waverley Station, em Edimburgo

Alguns trechos, como por exempo, uma viagem entre Edimburgo – Londres, exige uma certa programação. Isso pq, assim como as cias aéreas, o preço das passagens de trem também podem sair mais caros e alguns fatores como o horário escolhido, rota, número de paradas podem influenciar no valor do preço final do bilhete. E se for de ultima hora então, a diferença de valores é consideravel. Normalmente uma passagem entre Edimburgo – Londres sai por 80,00 libras, porém se for no final de tarde de uma sexta-feira, esse valor pode subir consideravalmente. O número de paradas pelo caminho também interfere no preço. Por exemplo, um trem diretasso sai um pouco mais caro do que um trem estilo pinga-pinga, que vai parando em toooodas as cidades que existem entre Edimburgo e Londres. Mas ai entre um outro fator, o tempo. Ninguem vai querer demorar 10 horas pra chegar em Londres, se o tempo médio entre as duas cidades fica em torno de 4 horas, né?

Ticket de ida entre Edimburgo e Glasgow

Porém se o trecho de trem for entre Edimburgo e Glasgow por exemplo, a mesma regra permanece, alguns horários são mais caros que outros, principalmente se for o horário que os moradores estão se deslocando entre cidades da região para trabalhar. Mas por ser um trecho com deslocamento pequeno, em torno de 45 a 50 minutos, a diferença de valor do bilhete não é tãããão assustadora assim.

Ticket de volta entre Glasgow e Edimburgo

Uma outra coisa legal, pelo menos eu gostava bastante, quando ia passear durante o final de semana entre Edimburgo e qualquer cidadezinha escocesa que ficasse relativamente perto é que, era possível comprar o bilhete sem definir o horário da volta, mas algumas regrinhas são impostas. Então eu comprava o bilhete com o horário da ida definido (era uma forma de eu me mexer cedo e não perder o bilhete e consequentemente aproveitar melhor o dia) e a volta eu comprava em aberto, pagava um pouco mais caro, mas dai me permitia o seguinte: se a cidade fosse minuscula, eu poderia voltar antes do tempo pré-determinado ou se a cidade fosse legalzinha, eu poderia ficar mais tempo, sem perder o bilhete e precisar comprar outro pq o horário já estava pré-determinado. Essa opção é definida como ‘return anytime’.

Ticket de volta entre Blackpool e Liverpool

Para conseguir o melhor preço, o ideal é comprar passagem ida e volta. Se for um trecho apenas, normalmente o valor da passagem é mais caro do que se comprar ida e volta juntos.

Passagem entre Edimburgo – York com reserva de assento

As passagens de trem estão a venda com 90 dias de antecedência. Prazo maior que este não é possivel comprar, pelo menos não pelo site.

Estação de Trem, em Liverpool

→ Onde comprar as passagens

O melhor site que eu descobri para pesquisar quando o assunto for trens no Reino Unido é o site da National Rail, tanto se o trajeto for entre cidades escocesas ou se for entre Escócia – Inglaterra ou País de Gales. Nesse site da pra encontrar tudo, desde os horários de saída e chegada dos trens, se o trajeto é direto ou se tem conexão, de qual plataforma sai e chega o trem, os preços na primeira ou segunda classe, as empresas que fazem o trajeto, ou seja, dá pra encontrar todas as informações que precisamos.

Uma das estações de trem de Liverpool

Eu nunca gostei de comprar em sites que não fossem os oficiais de cada uma das empresas que o site da National Rail indicava. Normalmente se eu ia viajar entre duas cidades escocesas, eu ja procurava as informações e comprava a passagem direto no site da Scot Rail. Se a viagem fosse entre Edimburgo e alguma cidade do norte da Inglaterra eu pesquisava tudo no site da National Rail, mas na hora de comprar o bilhete eu comprava direto no próprio site da empresa que eu tinha escolhido.

Troca de trem na Estaçao de Preston no trajeto entre Edimburgo e Liverpool

Inclusive, lembro bem quando deu aquela nevasca no final de 2010, e eu tinha uma viagem de trem entre Edimburgo e Manchester e um dos sites que me salvou foi o próprio site da National Rail. Ali, eles também informam sobre problemas nos trilhos, desvios, atrasos e cancelamentos, e tudo isso em tempo real. Melhor impossivel!!

→ Primeira ou segunda classe

Praticamente todos os trens no Reino Unido oferecem as opções de primeira classe (first class) ou segunda classe (standard class). As duas principais diferenças entre elas são: preço e quantidade de pessoas.

Vagão da Primeira Classe, quando fui de Edimburgo a Manchester

Eu ja viajei tanto em primeira classe, como em segunda classe. A maior vantagem de pagar um pouco mais é o comforto com toda a certeza. O espaço dos bancos são maiores (mas não muuuuito maior também). Geralmente no vagão da primeira classe tem bem menos pessoas e há mais espaço livre pra as malas.

Quando fui de Edimburgo a Manchester, por causa das nevascas, o tempo de viagem poderia ser maior do que o normal, então achei que seria bom pagar um pouco mais e viajar mais confortavelmente. Afinal, o trajeto já era de 3 horas e com os atrasos, a viagem poderia ser muito maior, como realmente foi. No total eu demorei quase 5 horas pra chegar em Manchester, mas ao menos eu estava num vagão praticamente vazio, com lanches e bebidas incluidos no valor da passagem e não tive que me preocupar em procurar um vagão com banheiro, pq o vagão da primeira classe tem o seu próprio banheiro.

Trem da ScotRail

Trem da ScotRail

Já a segunda classe normalmente sempre está entulhada de gente. Alguns trens exigem reserva de assento, porém alguns trecho como Edimburgo – Glasgow é impossivel reservar assento, pelo simples fato de ser a rota mais movimentada da Escócia. É um sobe e desce intenso em cada parada pelo caminho, que seria inviável fornecerem a opção de reserva. Quando eu viajava em segunda classe, o negócio era chegar um pouco mais cedo e quanto mais longe eu conseguisse caminhar do vagão que estava no inicio da plataforma, maiores eram minhas chances de achar um banco livre pra sentar. Simples assim!

Trem da Scot Rail

→ Reserva de assento

As unicas vezes que precisei reservar assento foram nas viagem consideradas um pouco mais longas, como por exemplo: Edimburgo – Manchester, Edimburgo – Liverpool e Edimburgo – York.

Painel indicando a plataforma e todas as paradas do trajeto

No caso da primeira classe da empresa Transpennine, era possivel escolher ainda:

– banco no corredor ou na janela;

– banco individual ou banco para duas pessoas. A configuração do vagão de primeira classe é 2-1;

– ainda dava pra escolher se queria banco estilo ‘airline style’ que é sem mesinha ou ‘forward facing ou backward facing’ ou seja, se eu queria um banco no sentido que o trem estava andando ou no sentido contrario.

Na Escócia todas as estações tem os nomes escritos tanto em inglês como em gaélico escoces

– ainda dava pra escolher se queria com mesinha pra trabalhar, com tomada, se quer perto do banheiro, no meio do vagão ou perto do lugar pra colocar as malas nas duas extremidades do vagão.

Estação de trem de York

Como eu sabia que normalmente quem utiliza a primeira classe são pessoas mais velhas ou executivos, peguei banco na janela, individual e sentido contrario do que o trem estava andando. Um sossego!

→ Distâncias

A maioria das cidades escocesas ficam a uma curta distância de Edimburgo, existem opções diretas, com uma ou mais conexões.

Estação de trem de Linlithgow

Então, as principais empresas e distâncias a partir de Edimburgo são:

– Londres: 4 horas e 30 minutos (direto e operado pela East Coast e Cross Country e com conexão operado pela Virgin Trains);

– Liverpool: 3 horas e 37 minutos (com uma conexão e operado pela Transpennine Express);

– Manchester: 3 horas e 15 minutos (direto e operado pela Transpennine Express);

– York: 2 horas e 23 minutos (direto e operado pela Cross Country);

– Newcastle: 1 hora e 25 minutos (direto e operado pela Cross Country);

Painel principal da Estação de Waverley, em Edimburgo

– Oban: 4 horas e 12 minutos (com uma conexão durante o ano todo e nos meses de verão é direto e é operado pela Scot Rail);

– Inverness: 3 horas e 29 minutos (direto ou com uma conexão e operado pela Scot Rail);

– Aberdeen: 2 horas e 20 minutos (direto e operado pela Scot Rail e  Cross Country)

– Dundee: 1 hora e 10 minutos (direto e operado pela Scot Rail)

Trem da ScotRail

Trem da ScotRail

– Stirling: 53 minutos (direto e operado pela Scot Rail)

– Glasgow: 50 minutos (direto e operado pela Scot Rail);

– Linlithgow: 18 minutos (direto e operado pela Scot Rail).

Waverley Station, em Edimburgo

Obs.: esse é o tempo médio entre as cidades, podem haver variações dependendo do horário e da empresa escolhidos.

→ Bagagem

Nas viagens de bate-volta que eu fiz a partir de Edimburgo, eu não levava bagagem. Eu levava apenas minha bolsa.

Porém, nas duas viagens de final de semana que fiz, uma pra Liverpool e Blackpool e outra pra Manchester, eu tinha bagagem. E ai que entra uma grande vantagem de viajar de trem quando comparamos com avião.

Não precisamos nos preocupar com a quantidade de malas e com o peso delas, pois não existem restrições de bagagem. Lógico que ninguém vai levar 10 malas por exemplo, mas 2 ou 3 malas é bem tranquilo. Se as malas forem pequenas, existe um espaço acima do nosso banco onde podemos (e devemos) colocar nossas malas. Se as malas forem grandes, existem compartimentos especificos nas duas extremidades do vagão especialmente pra elas.

Trem entre Edimburgo e York

→ Outras considerações

– importante guardar o bilhete até o final da viagem. Em algumas estações, precisams liberar a catraca pra ter acesso a plataforma, e mesmo assim, dentro do trem um funcionário ainda passa conferindo os bilhetes;

Estação de trem de Durham, na Inglaterra

Estação de trem de Durham, na Inglaterra

– não é necessário fazer check-in e não precisamos ser revistados como acontece em aeroportos;

– é só chegar com pelo menos 20 minutos de antecedência (isso nas estações de trem da Escócia) apenas pra conferir a plataforma no painel principal e ter tempo para se deslocar até lá.

– nas estações existem banheiros masculino e feminino. São bem limpos, tem papel higiênico e sabonete. Algumas estações cobram um valor simbólico pra utilizar o banheiro (0,20 centavos de libra), mas a grande maioria é de graça.

– todos os trens operados pela Scot Rail tem wi-fi gratuito.

Agora ficou mais tranquilo viajar de trem pela Escócia e pelo Reino Unido, não é?

Posts relacionados:

Passo a passo pra comprar uma passagem de trem entre Londres e Edimburgo

Todas as opções de transporte entre Londres e Edimburgo

Como ir de Londres a Edimburgo de Trem

Andando de ônibus em Edimburgo

Airlink – Como ir do aeroporto de Edimburgo até o centro da cidade

Ônibus da linha turismo em Edimburgo

Andando de táxi em Edimburgo

Anúncios

Tags:, , , ,

About Bruna Bartolamei

Depois de morar por quase 2 anos em Edimburgo, na Escócia e ter viajado por mais de 32 países, estou de volta ao Brasil com muitas histórias pra contar!

55 responses to “Mini-guia para viajar de trem pela Escócia e norte da Inglaterra”

  1. turista ocasional says :

    Só me ocorre dizer que, tirando as devidas especificidades relacionadas com questões espaciais, de localização, este artigo poderia não ser sobre os comboios da Escócia, mas sobre os da Alemanha, pois regem-se pelos mesmos atributos e qualidades. Afinal a dita pontualidade britânica, por exemplo, não se aplica apenas ao Reino Unido.

    Suponho que em geral, são vários os países da Europa, onde andar de comboio é sem dúvida uma opção prática, agradável, confortável, e por vezes mais rápida do que com outro transporte terrestre.

    Beijinho

    • Bruna says :

      Oiii!! =)

      Concordo com suas palavras.. tive a oportunidade de ir de Bruxelas a Colonia, e achei tudo muito bom. Assim como vc, tbm acho que os trens na Holanda, na Bélgica, e até na Polônia são super bons e pontuais. Em 98% das vezes que andei de trem, não tive problemas!

      Ahhh, esse ano vou andar em trens da Alemanha, entre cidades da Alemanha. Muito bom saber que eles são bem parecidos com os do Reino Unido em todos os aspectos =)))

  2. Juliana says :

    Muito legal o post Bruna! Vc acha que para uma pessoa que está em férias no UK, é melhor ir de avião ou trem de Edimburgo para Londres. Obrigada. Juliana

    • Bruna says :

      Oi Juliana!!!

      Um dos motivos que mais recebo emails aqui no blog é justamente sobre esse assunto. Reuni todas as duvidas e escrevi esse post. Eu demorei um pouco pra publicar, pq nao foi fácil procurar toooodas as fotos (espalhadas em varias pastinhas heheeh). Bom saber que vc gostou do post.. fico feliz!! =))

      Tá ai uma pergunta meio dificil de responder, pq vai depender muito do estilo e do tempo de viagem de cada um. Eu nunca fui de Edimburgo a Londres de trem, mas já fui de Liverpool a Londres, e posso te dizer que as paisagens são super bonitas. Mas de aviao, quando não há atrasos, é um pouquinho mais rápido.

      Hoje em dia, outro fator que dá pra levar bastante em consideração é o preço das passagens, pq de avião, quando compradas com bastante antecedencia, saem pela metade do preço de uma passagem de trem.

  3. Bóia Paulista says :

    Oi, Bruna. Tudo bem?
    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem. Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais ;)
    Natalie – Boia Paulista

  4. Leonardo says :

    Oi Bruna,

    Algum motivo especial para viajar de costas? Fico um pouco agoniado…

    Parabéns pelo artigo e pelo blog!

    Abraços,
    Leonardo

    • Bruna says :

      Oi Leonardo!
      Nenhum motivo em especial. Como eu não sinto enjoo e nem tontura, prefiro ir de costas. Normalmente as pessoas sempre querem sentar viradas pro sentido que o trem esta indo, entao sempre sobra lugar pra viajar de costas. =)

  5. Nick says :

    Oi Bruna, como sempre seus posts são bem completos. Os trens são limpos e muuuuito pontuais, bem diferente da Itália, ano passado numa viagem de trem de Nápoles para Roma, o trem saiu de Nápoles com mais de uma hora de atraso e ainda parou no caminho, conclusão…chegamos em Roma com quase 3 horas de atraso. Em relação ao preço do trem de Edimburgo para Londres, eu comprei pela internet pela East Coast, com 3 meses de antecedência e em um horário pouco procurado, e paguei inacreditáveis 12,90 libras.
    Abraços !!!

    • Bruna says :

      Oi Nick!!!
      Não tive a oportunidade de andar de trem na Itália, somente com aquele Malpensa Express, que liga o aeroporto ao centro de Milão. No meu caso, o trem foi pontual, o problema é o era muuuuuito velho e bem mal conservado.
      Jura que vc conseguiu essa tarifa??? Nooooossa, pura sorte então, pq eu tava sempre de olho e nunca consegui algo assim! =)

      • Suri Naibert says :

        Bruna e Nick,
        estou tentando comprar pela internet bilhetes de Londres pra Edimburgo (ida e volta) pela East Coast e eles pedem um endereço local (reino unido) pra mandar os bilhetes. Estou no Brasil. Na East Coast não tem aquele esquema de comprar pela internet e imprimir o bilhete quando chegar lá (no meu caso, em Londres)? Estou indo em maio/2013 e queria comprar com antecedência pra ver se consigo bons preços! Se não for na East Coast, qual vocês indicam pra fazer essa operação? Obrigado!!

        • Bruna says :

          Oi Suri,

          Logo após selecionar os trechos que vc quer, vc tem duas opções para receber o ticket, escolha essa: “Ticket on Departure at the station” e selecione a estação que vc quer retirar o ticket.

          Nessa parte de digitar o endereço tem um detalhe, veja que logo abaixo de “Address details, house number e postcode” que é destinado pra quem tem endereço do Reino Unido, existe um “Enter international address”, vc tem que clicar ali e digitar os teus dados pra conseguir comprar com endereço aqui do Brasil. Ok?

          Assim, quando vc chegar em Londres, vc deve se dirigir a estação de trem que vc escolheu e com o cartão de credito e o booking reference em mão, é só se dirigir a qualquer maquina ou nos guiches dessa estação e retirar os tickets.

  6. Juli S.W says :

    Oi, Bruna
    Descobri seu blog a pouco tempo. Estou com uma viagem marcada para à Europa final deste ano… Sabe me dizer se é possível ir de trem até o Lago Nesse e voltar a Glasgow no mesmo dia? Não queria fazer este passeio com empresas de turismo. Penso que o aproveitamento da viagem seria melhor se eu e minha familia fizessemos o passeio por conta própria. Obrigada.

    • Bruna says :

      Oi Juli,
      Olha, não tem como ir de trem até o Lago Ness propriamente dito, mas você pode ir até Inverness, e lá ir até o lago fazer o passeio. O trajeto é meio longo, são 3 horas e meia mais ou menos de trem até lá. Como você disse que vai no final do ano, se for depois de 31 de outubro (quando termina o horário de verão), eu acho que não vale muito a pena não, pelo fato de que vai escurecer muito cedo, por volta de 15:30/16:00 e vai ficar beeem corrido o passeio. O ideal neste caso, se me permite sugerir, seria dormir em Inverness ao menos uma noite e partir cedo pro lago pra fazer o passeio.
      =)

  7. Juli S.W says :

    Oi, Bruna
    Muito obrigada por responder. Vou seguir sua sugestão e passar duas noites no norte da Escócia. Poderia me sugerir mais algum passeio por essa região? Obrigada.

    • Bruna says :

      Oi Juli,
      Huuum.. Eu sei que perto de Inverness tem uma espécie de museu que conta um pouco da Batalha de Culloden, que foi uma das mais importantes do país. Tem também várias destilarias de Whisky nessa região que recebem turistas, vc pode visitar a fábrica e fazer degustação. Tem outros passeios em Lochs, tipo o do Lago Ness. Ih, tem várias coisas..

  8. Ana Paula Lopes Ribeiro says :

    Oi Bruna! Muito legal o seu Blog!!
    Resumindo…quais cidades escolheria se tivesse 10 dias na escocia e 8 na Irlanda? Tipo imperdiveis???
    Obrigada
    Ana

    • Bruna says :

      Oi Ana Paula,
      Na Escócia eu visitaria Edimburgo (claro), Glasgow, Oban, Inverness, e a ilha de Mull. Ja na Irlanda, se considerar a ilha toda, não deixaria de ir a Belfast e na costa norte do país (incluindo as Giant’s), os Cliffs e Dublin. Não conheço muito da Irlanda, talvez existam outros lugares legais, mas como eu só fiquei um final de semana em cada uma das Irlandas eu só tive tempo pra isso.

  9. Luis Fernando Marin says :

    Oi, Bruna, parabéns pelo blog, é muito útil! Posso te alugar um pouco? Li que ao comprarmos as passagens pelo site nos é concedida a opção de retirarmos os tickets em uma estação que nós mesmo indicamos no momento da compra. Bem, adquiri minhas Edimburgo-Londres-Edimburgo pela Rail Europe e não me deram tal opção. Ou será que eu não percebi? Mas, nas instruções para retirada dos bilhetes leio “Go to any ticket station at a UK station to collect your tickets”, o que me fez acreditar que posso retirá-las em qualquer estação do Reino Unido. Estou errado? Obrigado pela ajuda.

    • Bruna says :

      Oi Luis Fernando,

      Eu nunca comprei nenhuma passagem através da Rail Europe, mas se vc recebeu essa orientação, é isso ai mesmo. O que vc pode fazer, pra não ter erro, é retirar o ticket na Waverley Station, que é a principal de Edimburgo. Existem algumas máquinas no saguão, em frente ao painelzão onde consultamos as plataformas e ainda, existe um guiche de informaçãoes nessa mesma area. Diferente das estações de Londres, a Waverley, mesmo sendo a maior e a principal estação de Edimburgo é bem pequena, vc não vai ter dificuldade em encontar informações. Desculpe se não ajudei muito, mas realmente vou ficar te devendo uma resposta mais concreta!

  10. Gerson says :

    Bruna , MUITO bom seu blog.
    É possivel guardar bagagem em alguma estação de Londres por 15 dias ?
    Abç.

    Gerson

    • Bruna says :

      Oi Gerson,

      Sim, é possível. Não são todas que oferecem esse serviço, então é bom ficar ligado. Duas estações de trem que eu sei que é possível são: Victoria Station e a St Pancras. Também é possível deixar nos aeroportos.

      O nome do lugar para deixar as malas é Left Luggage.. da uma olhada no site deles pra maiores informações e valores.
      http://www.left-baggage.co.uk/

  11. Viviane says :

    Bruna, estou encantada com seu blog!!! Estou me aventurando agora em junho pela Inglaterra (Londres/Manchester), em Londres fico uma semana, e vou pra Manchester de trem, de Manchester vou até Holyhead de trem e de la ferry até Dublin! rs Aventura total!
    E tem mais, rs, vou passar 3 dias em Berlin, e estou tomando coragem pra ir de trem de lá até Amsterdan, vc conhece essa linha de trem????

    Alias, quais empresas/sites de trens na Inglaterra vc sugere??

    obrigada, bj
    Viviane

    • Bruna says :

      Oi Viviane,

      Realmente, uma aventura e tanto!!! =))

      Essa linha em especifico (entre Amsterdam e Berlim) eu nao conheço. Normalmente a empresa que opera os trens nessa regiao é a Thalys. Ja tive oportunidade de fazer um trajeto com essa empresa, só que foi entre Bruxelas – Colonia, na Alemanha. Gostei bastante.Achei os trens bem novos e conservados.

      Um excelente site pra começar a pesquisar é o da nationalrail.co.uk , lá vc vai encontrar tudo para a tua viagem.

  12. Francisco says :

    Boas dicas! Parabéns!

  13. Barbara says :

    Bom dia, vou para Newcastle em maio, de lá quero conhecer Edimburgo. Vc sabe o tempo de viagem e em média o custo de ticket (trem). Att

  14. Joanita says :

    Estamos pensando em conhecer essa região.Como não teremos muito tempo gostaria q indicasse q cidade considera imperdível visitar
    Obrigada
    joanita

    • Bruna says :

      Oi Joanita,

      Qual região exatamente? Todo o norte da Inglaterra? Ou na Escócia? O que seria “não ter muito tempo” pra vc? Pq isso é bem relativo.

      Se vc não tem muito tempo literalmente, acredito que as principais cidades sejam o mais indicado. Por exemplo… Edimburgo, Inverness (Lago Ness), Glasgow, York e Newcastle.

  15. Edilene Vieira says :

    Como você mesma disse, ficou mais fácil de ir para Escócia. Gostaria de ter sugestoes para Amsterdã e Berlim, é possível. Muito bom, excelente.

  16. Luci says :

    Oi Bruna, é a minha primeira vez aqui, tudo bem?
    parabens pelo blog, muito útil.
    Me tire uma dúvida por favor, pretendo ir (em setembro) de Londres para Edimburgo, depois Glasgow e volto para Londres. O trecho entre Edimburgo e Glasgow pode ser comprado na hora ou na véspera sem interferir muito no preço?
    E entre Londres/Edimburgo – Glasgow/Londres dá para comprar daqui do Brasil pagando com cartão de crédito brasileiro?
    Grata.
    Luci

    • Bruna Bartolamei says :

      Oi, Luci!

      Seja bem-vinda!! =D

      Sim, o trecho entre Edimburgo e Glasgow pode ser comprado na hora sim, sem problemas. O valor do bilhete só fica um pouco mais caro se for comprado na modalidade “anytime”, ou seja, sem os horários definidos. Por ser uma das rotas com maior frequencia na Escócia, o fato de vc comprar um dia antes ou no dia não altera significativamente o valor da passagem.

      Sim também. Vc pode comprar em qualquer um dos sites que listei no post, mas o teu cartão de crédito deve ser internacional. Seleciona a opção para retirar o ticket lá no UK, de preferencia em uma estação que fique na cidade por onde o roteiro vai começar, claro.

  17. Luci says :

    oi Bruna, será que vc pode me ajudar? colei logo abaixo os detalhes de uma reserva que tentei fazer na east coast (Londres/EDB), o valor passou de 57 para 85 libras, parece que eles acrescentaram alguns adicionais (wifi por ex.), será que não da para tirar os opcionais? queria só a passagem.
    Vc tem alguma dica?
    grata.
    Luci

    Journey 2: London Terminals to Edinburgh
    Outward journey5 Sep 2013 Return journey
    Depart:
    London Kings Cross dep. 11:00.
    Arrive:
    Edinburgh, 15:21

    Changes: 0 Duration: 4h 21m

    ——————————————————————————–
    Passengers
    2 Adults

    ——————————————————————————–
    EC Advance£57.80

    valid via: East Coast & other TOC connecting services.

    Valid on chosen train only. Non refundable. Changeable for a fee before departure

    terms and conditions No Return Journey
    * web only fare

    Add
    Outward
    First Class Upgrade
    £82.30 extra

    Why Upgrade?Add
    First Class Upgrade
    Why Upgrade?

    Total: £57.80

    Seating preferences
    You can reserve a seat. Please select your option

    ——————————————————————————–

    Seating preferences are not always available with all train companies. We’ll try to meet your requirements wherever possible
    Preferred seat

    Facing
    No preference
    Backwards
    Forwards
    Position
    No preference
    Aisle
    Window
    Seat Type
    No preference
    Individual
    Table

    .
    Preferred coach
    No preferenceQuiet Coach.
    assistance request
    Remember my preferences
    bicycle space
    Additional options
    £4 voucher allowing spend of up to £5 on any catering services on East Coast trains only.12345678
    .PlusBus for Edinburgh on Thu, Sep 5th
    (Total price for all passengers: £6.00) .
    Wi-Fi vouchermore info
    Wi-Fi vouchers for use on East Coast services can be purchased along with your train ticket so you are ready to go online as soon as you get on-board
    Wi-Fi is available on East Coast services on your outward journey
    24 Hour Voucher£9.95 each12.
    Return to search Continue Order Summary
    Journey details
    Journey 1£28.90Informationclose Information InformationPassengerPrice per personTotal

    Outward

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    No railcard
    1 Adult £28.90£28.90
    £28.90

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    Total Price:£28.90
    The total price might include additional options not displayed in this panel.
    .
    London Kings Cross to Edinburgh
    Depart: Thu, Sep 5th, 11:00

    Seating has been reserved.
    Reservation expires at 00:52
    Outward:Coach E Seats 17

    View your seat Carbon emissions
    remove edit save for later
    Journey 2£57.80Informationclose Information InformationPassengerPrice per personTotal

    Outward

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    No railcard
    2 Adults £28.90£57.80
    £57.80

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    ——————————————————————————–

    Total Price:£57.80
    The total price might include additional options not displayed in this panel.
    .
    London Terminals to Edinburgh
    Depart: Thu, Sep 5th, 11:00
    Carbon emissions
    remove save for later
    Sub total: £86.70

    amendDelivery details
    Ticket on Departure at the station

    Payment details
    Total cost:£86.70

  18. Luci says :

    Bruna, desculpe-me mil vezes, desconsidere a mensagem acima, já descobri a besteira que eu fiz, sorry!!
    Mas apareceu uma dúvida, como faço para saber se o assento está de frente ou de costas na direção do trem? tenho uma certa agonia de andar de costa.
    Pelo que eu vi, terei que me cadastrar, é isso mesmo?
    quando comprei pela eurostar (londres/bruxelas) tinha opção de não se cadastrar.
    muito obrigada.

    • Bruna Bartolamei says :

      Oi, Luci

      Se vc estiver comprando diretamente no site da East Coast, após selecionar o trajeto e data/hora , vc vai clicar em “buy now”, certo? Na próxima tela, logo abaixo as opções de horários e tarifas, vai ter “seating preferences” onde vc deve selecionar “facing: forwards” (no mesmo sentido do trem), “position: aisle/window” (onde vc opta pelo corredor ou janela) e “seat type: airline, individual, table” (se vc quer banco estilo avião, banco sozinho ou com mesa no meio). Depois de clicar em “continue” na próxima tela vai aparecer os dados da reserva dos assentos em vermelho, certo? Pra vc ver quais são esses assentos reservados, na coluna no lado direito, vc vai ver “view your seat”, então vc clica ali e confere se os assentos estão de acordo com o q vc gostaria, senão vc pode alterar clicando em “change seat”.

      É necessário se registrar sim pra terminar a compra.

  19. Leonardo Fantinati says :

    Olá Bruna ! Primeiramente, parabéns pelo Blog e pelo post , ele praticamente me SALVOU e tirou todas as minhas dúvidas referentes a compra de passagens e viagens de trem pela Escócia !
    Como vou à Escócia agora final de agosto para intercâmbio na University of Dundee, estava realmente muito receoso em relação à quantidade de bagagem permitida e a facilidade dos serviços (como compra pela internet). Mas pelo que pude ler, absolutamente NADA para se preocupar, Ufa !….
    Tirou um peso enorme aqui, hahaha.
    Obrigado !

  20. licia says :

    Bruna, amei as dicas! Obrigada. Uma dúvida: tem maleiro nas estações de Glasgow?

  21. junior e janaina says :

    ola , bruna grato pela informacoes seu blog e muito legal , moro em londres , e estamos indo a edinburgh por 3 dias , valeu bem informativo suas dicas.. sds junior e janaina

Deixe seu comentário, sugestão ou crítica!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: