HMS Belfast, em Londres

Em nossa segunda vez em Londres, queriamos conhecer coisas diferentes das que tivemos oportunidade de visitar na ultima vez que estivemos na cidade. Logo depois do almoço, meu pai acabou escolhendo que primeiro iriamos visitar o HMS Belfast (Her Majesty’s Ship Belfast). Ele gosta muito de barcos, é daqueles que tem coleções de barcos, tem aquelas garrafas com barcos dentro pra enfeite, e por ai vai…

Como o tempo tbm já não estava mais tão animador, e começou a garoar, nem pudemos caminhar pelas margens do Tamisa, e acabamos indo rapidinho até o navio.

Pra quem não sabe, o HMS Belfast é um navio de guerra que pertence a Marinha Real Britânica que foi transformado em museu e que está atracado permanentemente na margem sul do Rio Tâmisa, bem próximo a Catedral de St Paul, Tate Modern e Shakespeare’s Globe,  é impossível não ver!!!

Além do HMS Belfast, o Churchill War Rooms e o Imperial War Museum fazem parte dos Museus Imperiais da Guerra, em Londres. Esse museu em especificio conta a história da participação do navio durante algumas missões so redor do mundo, e as mais importantes participações foram durante Segunda Guerra Mundial, Batalha da Normandia, e a ONU chegou a utilizá-lo durante a Guerra da Coréia.

Além disso, também podemos ver como é um navio por dentro, como os marinheiros viviam, o maquinário, e tudo isso ilustrado com a presença de bonecos feitos de cera, dando uma ideia real de como era o funcionamento do navio naquela época.

Há ainda 3 grandes exibições através de paineis que contam um pouco da história das batalhas, vida a bordo do navio e os trabalhos diários feitos pelos marinheiros durante as guerras, há ainda também algumas fotos originais da época, alguns efeitos sonoros, entre outros.

Durante a visita, tivemos acesso a praticamente todas as partes do navio, o trajeto é unico quando entramos no barco, apenas vamos seguindo as indicações.

Quanto a preservação, o navio está em perfeito estado, tanto que podemos andar em muitos dos seus andares através de escadas estreitas, subindo e descendo, sem nenhum problema, quer dizer, o unico problema é que como as escadas são suuuuuper estreitas, o passeio acaba se tornando um pouco cansativo. Mas de qualquer forma, foi justamente essa dificuldade que tornou a visita mais interessante!!

O tour é relativamente longo (devido ao sobe e desce entre seus andares), com duração de 1 hora e 30 minutos mais ou menos. Abre durante o ano todo, porém até inicio de maio deste ano, o navio estará fechado para visitações, pois a passarela que nos leva da margem do rio Tâmisa até o navio desabou e estão construindo uma novinha!

Anúncios

Tags:

About Bruna Bartolamei

Depois de morar por quase 2 anos em Edimburgo, na Escócia e ter viajado por mais de 32 países, estou de volta ao Brasil com muitas histórias pra contar!

Deixe seu comentário, sugestão ou crítica!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: