Day Trip para o Lago Ness, Glencoe e The Highlands

Um dos destinos mais procurados aqui na Escócia, depois de Edimburgo, sem dúvida, são as Terras Altas Escocesas, e é justamente lá onde ficam Inverness e o Lago Ness!!! Algumas pessoas fazem o tour pelas paisagens e/ou até mesmo, somente para tentar “ver” o Monstro do Lago Ness!!

As ruínas do Urquhart Castle, nas margens do Lago Ness

A lenda do Monstro do Lago Ness continua ainda atraindo pessoas até o local e acabou ficando conhecida no mundo todo. Na verdade, foram encontrados registros que datam do século VI, sobre a existencia de um “monstro” nas águas do Lago Ness, porém, o fato que realmente levantou suspeitas de que o monstro poderia realmente existir, foi quando em 1934, um homem, conseguiu tirar uma foto do tal monstro.

Pelo caminho, vários Castelos..

Diante desse fato, uma filmagem do monstro saindo da água, anos mais tarde também apareceu.

O governo Escoces resolveu investigar, propondo que fosse feita uma varredura completa em todo o Lago, e anos mais tarde, foi declarado que o montro de fato não existe, não passando de uma lenda!

Lenda ou não, hoje em dia, nas margens do Lago Ness ficam ruínas de castelos, como por exemplo o Urquhart Castle, e castelos até bem preservados, como o Eilean Donan Castle.

Confesso que o tour de um dia é bem puxando, mas vale muito a pena. O interior da Escócia e as paisagens que vemos pelo caminho são encantadoras!!

Escolhemos a empresa Scotline Tours

A empresa que escolhemos, a Scotline Tours, tem sua sede na High St, na Royal Mile e entre os vários tours sugeridos (dificil escolher apenas um), o que mais se destaca é este que fizemos!!!

É possível reservar e pagar o tour ainda no Brasil e quando chegar o dia da viagem, é só ir até a sede da empresa, apresentar o passaporte e o voucher enviado por email e retirar os tickets!

O “tour básico”!!

O tour sai pontualmente as 8:00 da manhã. O ônibus é super novinho e bem cuidado (não é possível comer e nem beber nada, exceto água). Tem alguns monitores espalhados pelo ônibus que mostram exatamente por onde estamos passando e o nome dos lugares, das cidades e dos lagos.

Monitores indicando os lugares e lagos por onde estamos passando

Além do “tour básico”, ainda é oferecido um “tour extra” que engloba a visita ao Urquhart Castle + Boat Trip por mais 10,00 libras. Se optar por fazer o “tour extra”, deve fazer os dois, não é possível visitar somente o Castelo sem fazer o Tour de Barco!!

Muitas ovelhas pelo caminho

A primeira parada é na vila de Kilmahog para o café da manhã, comprar produtos típicos escoceses e ver os famosos Highland Bulls ou também conhecidas por “Vaquinhas Cabeludas da Escócia”!!!

Highland Bulls

Só tem na Escócia

Seguimos pelo Rob Roy Country, uma espécie de Parque Nacional, de lá é possível ver a Highland Boundary Fault, uma falha geológica que “separa” as Terras Altas Escocesas das Terras Baixas. O nome Rob Roy Country é em homenagem a Rob Roy MacGregor, um “personagem” que teve grande destaque na história recente da Escócia!!

Lagos e mais lagos pelo caminho

Muito próximo desta região fica um dos lugares mais bonitos da Escócia, o vale de Glencoe. Mas a beleza fica por conta da natureza, pois a muitos anos atrás, em 1692, foi justamente ali onde aconteceu o Massacre de Glencoe. No massacre, 38 membros do clã MacDonalds, que dominava região naquela época, foram mortos por pessoas que pediram abrigo por uns dias durante o Inveno Escoces.

Casinhas “perdidas” pelo caminho

A parada para ver o Vale de Glencoe foi breve, uns 20 minutos, somente para umas fotos rapidinho!

Castelos em ruínas..

Passamos pelo vilarejo de Fort William, que fica no caminho para o Glen Nevis, o vale onde está localizado o Ben Nevis, a maior montanha do Reino Unido, com 1344 metros de altura!!

Ben Nevis

Uma pequena parada para o almoço, restaurante/loja/lanchonete Spean Bridge Mill, onde provamos algumas comidas e bebidas típicas do país, como por exemplo Haggis, sopa de peixe, Irn Bru e cervejas escocesas. Ah, e compramos alguns souvenirs também, é claro!

Souvenirs das Terras Altas Escocesas

Agora vem a parte mais esperada do tour..

Seguindo viagem, passamos pelo vilarejo de Spean Bridge, fazendo uma parada para conhecer o Commando Memorial, que foi construído para homenagear os soldados voluntários que perderam suas vidas durante a Segunda Guerra Mundial, para defender o país contra depredações feitas pelos Alemães em toda a Europa.

Commando Memorial

Passamos também pelo Caledonian Canal, um canal parte natural (formado por lagos) e parte construido pelo homem. O canal foi construido para ligar a região leste com a região oeste do país.

Caledonian Canal

E agora sim, finalmente chegamos ao vilarejo de Drumnadrochit, onde está localizado o Urquhart Castle.

É nessa hora em que temos que decidir (e pagar) se vamos fazer ou não o “tour extra”. Nos optamos por fazer, e achei que acertamos na escolha!

Chegando no Urquhart Castle

Junto com o Castelo, visitamos um pequeno museu que conta a história do próprio castelo e das váárias batalhas entre Ingleses e Escoceses que ocorreram na região.

Maquete mostrando como era o Castelo de Urquhart

Alguns objetos que eram utilizados naquela época

Balas de canhão do período Medieval

Também assitimos um video, com uma duração não mais do que 15 minutos. Enquanto estamos vendo o filminho, quando ele termina, vem uma das melhores partes do tour, dali, sentado numa mini arquibancada, se tem uma das melhores visões do Castelo e do Lago Ness! Foi uma surpresa totalmente inesperada!

Urquhart Castle

Só restou as ruínas..

Depois de percorrer as trilhas do pátio do castelo, também é permitido subir numa parte de suas ruínas, e de lá, se tem uma boa visão de toda a região, e podem acreditar, rendem ótimas fotos!

Terminando de visitar o Castelo, seguimos para a beira do lago, numa espécie de pier. Ficamos ali esperando o barco chegar. Mas enquanto isso, resolvemos ir até as margens do Lago Ness, pra ver ele de pertinho, sentir o gelo de suas águas e ver como ele é limpído!

Nas margens do Lago Ness

As pessoas que escolheram por não fazer o tour, ficaram no ônibos por aproximadamente 2 horas, esperando nós e mais outras várias pessoas que optaram por fazer o tour.

Lago Ness

O tour de barco atravessa toda a extensão do Lago, num trajeto de aproximadamente 30 minutos, que fica muito próximo a cidade de Inverness, a capital das Highlands!

Muitos Castelos pelo caminho

Muitos lagos também

A única coisa que tenho a reclamar é que, quando achei que iriamos parar um pouquinho em Inverness, seguimos o tour, e somente passamos pelas margens do Rio Ness (a cidade fica nas margens do rio, e não nas margens do lago).

Forth Rail Bridge

Tivemos mais uma parada para um lanchinho rápido e seguimos viagem. A volta foi feita por outro caminho, cruzamos a região de Perthshire, e assim, foi possível passar pela Forth Road Bridge e ver beeem de pertinho, um dos símbolos da Escócia, a Forth Rail Bridge!

Anúncios

Tags:, , ,

About Bruna Bartolamei

Depois de morar por quase 2 anos em Edimburgo, na Escócia e ter viajado por mais de 32 países, estou de volta ao Brasil com muitas histórias pra contar!

14 responses to “Day Trip para o Lago Ness, Glencoe e The Highlands”

  1. Julio Armando says :

    Olá Bruna..

    Adorei o seu site, esse post sobre a escócia me empolgou muito, eu estou indo pra lá na próxima semana.

    Eu tenho um blog tb das minhas viagens, estava abandonado mas estou voltando a postar com essa viagem a escócia, está convidada para me visitar lá rss.. http://www.turisticamentecorreto.blogspot.com.br

    Parabéns pelo site..

  2. Israel Heleno de Castro says :

    Estarei em Londres em março 2013 será que vale a pena a visita de um dia até a Escócia ?

    • Bruna says :

      Oi Israel,

      Hum, dificil essa tua pergunta. Pq depende de como vai ser o teu deslocamento, em que epoca do ano vai ser (se for inverno, é completamente inviavel, pq escurece muuuito cedo), mas já posso te adiantar que vai ser bem corrido.

      De qualquer forma, deixo um um roteiro que fiz com sugestao do que fazer em 24 horas em Edimburgo.. Não sei se vc já viu?!?!?
      http://contandoashoras.com/2012/04/09/24-horas-em-edimburgo/

  3. Juliana says :

    Oi Bruna,
    Acho interessante informar que quando fui para Edimburgo em novembro, fiz uma reserva com essa empresa de turismo (Scotline Tour) para ir para o Lago Ness e um dia antes da viagem recebi um e-mail deles me informando que não seria possível fazer o passeio porque não tinha o mínimo de passageiros para isso que eram 8 pessoas. Fiquei um pouco desesperada porque eu só tinha mais um dia em Edimburgo e queria muito ir até o Lago Ness. Acabei contratando outra empresa lá no Centro de Informações ao Turista.

    • Bruna says :

      Oi Juliana,

      Ah é??? Eu fui em agosto, mês de maior movimento na cidade, então foi bem tranquilo nesse sentido, não precisamos nos preocupar com essa questão de cancelamento/numero de pessoas no tour.

      Inclusive, foi bom vc alertar isso, pq eu nunca tinha passado por uma situação dessas. Obrigada!

  4. Claudia Guedes says :

    Bruna, Iremo sem Julho e ficaremos 4 dias em Edinburgh. Estamos pensando em fazer o day tour que vc sugere, mas fiquei com a impressão de que se fica muito tempo no onibus e pouco em cada lugar. É isso mesmo? Você acha que seria melhor ficar 1 dia em Inverness? Qualquer dica é bem-vinda! Obrigada!

    • Bruna says :

      Oi Claudia,

      A gnt fica um determinado tempo que até pode ser considerado grandinho dentro do onibus, mas o tempo pre determinado para visitar os lugares é bem bom, bem tranquilo mesmo. Não é necessario fazer nada correndo.

      Inverness é a principal cidade das highlands. A cidade em si é minuscula. Eu apenas passei por lá, entao nao posso afirmar ou até mesmo desconsiderar um dia a mais para Inverness.

  5. Bia Botelho says :

    OI Bruna, tb vou em julho para Edinbourg com meu marido e dois filhos ( 9 e 5 anos) e queríamos muito conhecer Inverness e fazer esta day trip, são muitas horas de ônibus?? Vc acha que dá para comprar lá ou é melhor já sair do Brasil com a day trip comprada?? Adorei seu blog!! Obrigada. Bia Botelho

    • Bruna says :

      Oi Bia,

      A gnt fica um tempinho consideravel dentro do ônibus sim, mas como existem algumas paradas pelo caminho e as paisagens são super bonitas, a gnt nem vê o tempo passar.

      Existem varias empresas de turismo q oferecem tour para as Highlands.. Esse que eu fiz não parou em Inverness, mas alguns param pra uma visita rapida.

      Esses dias eu escrevi um post sobre as empresas de turismo q oferecem tours partindo de Edimburgo, não sei se vc já viu?!?!?
      http://contandoashoras.com/tag/empresas-de-turismo-em-edimburgo/

      • Bia botelho says :

        Bruna obrigada pela resposta! Acho que vou deixar para comprar lá mesmo e ver todas as possibilidades! Como vou no verão acho que não terei muitos problemas, né? Devem ter muitas opções! Mais uma vez obrigada e parabéns pelo blog! Bia

  6. Rosana Passos says :

    Olá, Bruna! Queria pegar uma carona nesse roteiro, mas fazer umas até adaptações. Talvez você possa me ajudar. Minha ideia é ir de trem de Edinburgh até Glasgow, conhecer a cidade, e de lá partir de carro alugado rumo às Highlands, passando pelo Loch Lomond. Daí para o Vale de Glencoe e, em seguida, Fort William. Aqui é que reside minha dúvida. Em vários blogs que li sobre a Escócia, foi mencionado que, estando nas Highlands, é obrigatório ver a beleza das Ilhas Skye. Então não sei se devo parar em Fort William, dormir, passar o dia seguinte nas Skye e só então seguir o resto do percurso para Inverness pela estrada que margeia o Loch Ness, ou se vou direto até Inverness e de lá faço esse passeio para as Skye. O que você sugere? Desde já te agradeço. Rosana
    PS: Seu blog é show!

    • Bruna Bartolamei says :

      Oi, Rosana

      Pelo tanto que já li por ai sobre esse assunto, na minha opinião, eu iria primeiro a Inverness e depois seguiria para Skye. Pelo que entendi, la termina tua viagem, certo? Ou vc tem interesse em ir em mais alguma ilha que faz parte das Hebrides?

      Acho que dessa forma o trajeto fica mais sensato. :D

Deixe seu comentário, sugestão ou crítica!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: